A anatomia do hype: do MySpace ao “nano-fenômeno”

14 maio

A banda Sleigh Bells é o exemplo mais recente de como a internet pode levar uma banda do buzz ao hype em um clique.

Foto de Kyle Dean Reinford – via Stereogum

A dupla é formada por Derek Miller (letras, produção e guitarras) e Alexis Krauss (vocal), é de Nova York e, no melhor estilo faça-você-mesmo, gravou todas as demos em um quarto. Essa faixas foram entregues pessoalmente a um dos colaboradores do blog Stereogum e… o resto você pode imaginar.

>> Nesta ordem:

  • o bom uso das ferramentas virtuais (MySpace e YouTube, por exemplo)
  • um pouco de (ok, muita) sorte
  • um empurrãozinho do post certo no blog certo
  • uma coleção de “retweets” no Twitter e…
  • E então, talento para que tudo isso saia do mundo virtual diretamente para os grandes festivais.
  • O site Vulture, da revista New York, publicou o passo-a-passo do buzz que fez com que a banda americana Sleigh Bells passasse de “queridinha dos blogueiros” a “fenômeno”. Resumidamente e em uma tradução livre,

    >> veja como foi a vida do Sleigh Bells nos últimos sete meses:

    >> Outubro de 2009: o blog Stereogum coloca a banda na categoria “bandas para ficar de olho”. // Eles tocam no CMJ em Nova York. M.I.A. estava na platéia e adorou. // A banda começa a despontar “não oficialmente”. // A bíblia-indie Pitchfork chama a banda de “best new music” da vez.

    >> Novembro de 2009: foi a vez do TIMES e da ABC News aumentarem o buzz.

    >> Dezembro de 2009: a banda aparece nas intermináveis listas de “melhores do ano” nos principais blogs e sites de música

    >> Fevereiro de 2010: marcam shows com bandas “maiores”, como Major Lazer e Yeasayer // Um tweet do Diplo e a notícia de Miller (metade do duo) como um dos c0-produtores do álbum da M.I.A.

    >> Março de 2010: M.I.A. leva a banda para seu selo (N.E.E.T.) // data de lançamento do primeiro álbm já é anunciada. // Show disputado no SxSW // Coachella idem. // Resenhas positivas e até um rótulo: “rap-rock”

    >> Abril de 2010: lançamento do primeiro single (“Tell ‘Em”). A revista New York engrossa o coro das resenhas positivas.

    >> 11 Maio de 2010: o álbum “Treats” finalmente (já?) é lançado.

    ( via Vulture)

    >> Conheça o “rap-rock” ou, o “electro hip-hop” da banda aqui:

  • MySpace Sleigh Bells
  • Ring Ring ao vivo no CMJ
  • “Infinity Guitars” ao vivo no CMJ
  • 2 Respostas to “A anatomia do hype: do MySpace ao “nano-fenômeno””

    Trackbacks/Pingbacks

    1. E a palavra do momento é…: Compartilhar « PALCO07 – Inteligência de Música - 25/05/2010

      […] O poder do MySpace e das informações compartilhadas em blogs e no twitter: o “nano-fenômeno” chamado Sleigh Bells […]

    2. Sleigh Bells, do “nano-fenômeno” ao horário nobre « PALCO07 – Inteligência de Música - 14/09/2010

      […] A anatomia do hype: Sleigh Bells, do MySpace ao “nano-fenômeno” […]

    Deixe uma resposta

    Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

    Logotipo do WordPress.com

    Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

    Imagem do Twitter

    Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

    Foto do Facebook

    Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

    Foto do Google+

    Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

    Conectando a %s

    %d blogueiros gostam disto: