Archive | Campanhas RSS feed for this section

Vodafone faz parceria com o húngaro Yonderboi para criar faixas a partir de sons coletados por usuários

4 fev

Tentando se aproximar do público jovem, a companhia de telefonia móvel Vodafone, na Hungria, lançou a campanha Soundmap em parceria com o músico e produtor Yonderboi para criar faixas colaborativas feitas a partir de sons coletados pelos usuários.

yonderboi3

Para incentivar a participação, a marca publicou vídeos ensinando como coletar diferentes sons e enviá-los via rede 3G, além de imagens do próprio Yonderboi criando novos sons. A ideia era mostrar como as vantagens da cobertura 3G permitem que os consumidores façam parte da criação das músicas.

Durante 3 semanas a marca coletou 475 sons diferentes, que foram mixados pelo músico e deram origem a 5 faixas.

>> Ao vivo

Para o lançamento das músicas, uma festa exclusiva para aqueles que colaboraram foi organizada e transmitida via live streaming. Olha só ele tocando as músicas na festa:

>> veja o vídeo case

A campanha foi vencedora do prêmio Midem Marketing Competition 2013 na categoria ‘Best use of music/partnership with artist in a marketing campaingn’

Restrospectiva 2012: confira as melhores campanhas de marketing musical do ano

21 dez

O ano está chegando ao fim e chegou o momento da nossa tradicional retrospectiva listar o que de melhor aconteceu na associação entre marcas e música – e que ganharam destaque aqui no blog ao longo do ano

>> AmEx realiza shows de grandes bandas filmados por diretores renomados

O American Express Unstaged é uma série de shows promovidos pela AmEx e transmitidos online e em tempo real simultaneamente para todo o mundo. Não fosse bom o suficiente, os shows ainda são dirigidos por renomados diretores.

Pelo projeto passaram parcerias entre nomes como Killers e Werner Herzog, Arcade Fire e Terry Gilliam, Duran Duran e David Lynch, John Legend e Spike Lee, Coldplay e Anton Corbijn, Jack White e Gary Oldman, entre outros.

>> A olimpíada mais musical de todos os tempos

Imagem2

A Universal foi agressiva e eficiente, e marcou presença nos jogos olímpicos de Londres.

Além dos shows que aconteceram durante a cerimônia de abertura, rolaram diversas apresentações ao vivo pela cidade antes, durante, e depois dos jogos.

Fora as performances ao vivo, playlists com milhares de músicas foram elaboradas especificamente para cada momento e tipo de esporte, e álbuns e faixas oficiais foram lançados – e viraram sucesso no iTunes!

>> Coca-Cola faz parceria com Spotify

Serviços de streaming de música vêm sendo considerados (até o momento) uma das melhores alternativas para a guerra entre o download de música digital e as gravadoras. O número de assinantes cresce, assim como número de serviços oferecidos e a quantidade de marcas querendo se associar de alguma forma.

spotify-coca-cola-partnership-facebook-applications-0

De olho nisso, a Coca-Cola fez uma parceria com o mais famoso serviço de música online, o Spotify (que infelizmente ainda não existe no Brasil) e passou a oferecer diversos aplicativos com o objetivo de ampliar a experiência do fã de música dentro da plataforma.

>> O indie é o novo pop

O festival SXSW, antes pequeno e independente, vem sendo cada vez mais alvo de marcas que querem se associar à ele por todo o buzz e tendências que ele gera.

sxsw_2012_logo

Voltado para o cinema, tecnologia e principalmente música, o festival recebe desde bandas (ainda) desconhecidas até disputados shows de grandes nomes em pequenas lajes e pubs.

A cada ano o número de bandas, público e palestrantes aumentam – assim como a presença das marcas, o que fez com que o festival batesse recorde de patrocínios esse ano, mas sem perder o clima alternativo.

Confira aqui as campanhas mais bem sucedidas feitas pelas marcas durante o festival desse ano.

>> Visando o público jovem, Lacoste aposta na música

Buscando atingir uma nova faixa etária, a tradicional marca lançou a linha Lacoste Live, que traz roupas mais jovens e descoladas e utiliza a música para criar conexão com esse público.

Penguinprison

Realizando diversos shows pelos EUA, não por acaso a campanha é focada em Nova York, especialmente no Brooklin, e mais especificamente em Williamsburg, na tentativa de se associar às novas tendências que geram impacto na moda e na música. A marca fez, inclusive, uma pool party no cobiçado Coachella.

>> Absolut e Gorillaz

São inúmeras as edições limitadas de garrafas já lançadas pela Absolut ao longo dos anos. A marca sabe o apelo que tem e aposta na exclusividade das artes para satisfazer os colecionadores de suas garrafas.

422473_10150736103683368_2050459003_n

Em março a marca se associou à música – ainda que indiretamente – com o lançamento de garrafas em homenagem a Londres com desenhos feitos pelo artista Jamie Hewlett, o co-criador do Gorillaz.

>> A Converse

Claramente a Converse não poderia faltar na nossa retrospectiva de final de (qualquer) ano. A marca é a mais comentada aqui no blog e fica até difícil escolher um dos projetos da marca, pelo trabalho contínuo e coerente que ela faz dentro da música.

Das ações desse ano, vale destacar a ida do estúdio Rubber Tracks ao festival Pop Montreal. O estúdio, localizado em Nova York, assumiu formato itinerante e invadiu o festival canadense, permitindo que bandas independentes que estavam por lá gravassem seu material original de graça e ficassem com os direitos autorais das canções (assim como ocorre na sede em NY).

Outros projetos da Converse que já viraram assunto por aqui:

>> A Intel

Outra marca que tem atuação consistente dentro a música – e das artes de um modo geral – é a Intel.  Uma conexão que a princípio poderia soar forçada, é muito bem trabalhada pela marca que já fez projetos em parcerias com Pitchfork, Pandora e Spotify, entre outros.

Recentemente a marca se associou à MTV para realizar shows em lugares secretos nos EUA. Sabendo apenas o lineup e a cidade, os fãs precisavam conseguir um determinado número de compartilhamento de seus tweets para que o local do show fosse revelado.

>> A conclusão de 2012

O que entendemos com essa retrospectiva é que em pleno 2012, ainda são poucas as marcas que se relacionam de forma mais presente na conversa em torno da música, com a grande maioria das marcas ainda se limitando a ações pontuais, de impacto e de baixo relacionamento com as cenas.

No Brasil, que ainda carece de um mercado de música bem estruturado, auto-sustentável, com preços justos, é uma pena que as marcas ainda não entendam o real potencial de comunicação de eventos e ativações relacionadas à música. Por consequência, deixam de investir nesse mercado que busca se firmar, e que a cada ano se faz mais presente e influente nas escolhas de consumo e valores junto aos mais variados grupos de publico.

2013 acena para uma lenta, mas gradativa percepção de novas mídias e novos formatos de comunicação. A musica está aí, desde sempre e pra sempre, cada vez mais importante e mais presente na formação da sociedade como um todo, e se tornando a mais influente mídia dos novos tempos. (tá bom, no Brasil é a segunda ainda, depois da Globo!!)

… e já que o mundo parece que não vai acabar hoje, que venha 2013!

CONVERSE RUBBER TRACKS vira estúdio pop-up e chega ao festival POP MONTREAL

25 set

Mais uma da CONVERSE! Desta vez, o Rubber Tracks, estúdio da marca, invadiu o festival canadense POP MONTREAL!

>> Já estamos acostumados às lojas pop-up dentro dos festivais. Marcas e artistas acharam uma maneira de chamar a atenção para seus produtos licenciados e raridades, misturando-se ao público de festivais que sempre querem levar uma lembrancinha da sua banda preferida para casa. Jack White já tem a sua desde 2009 e o grupo de rap-bagunça Odd Future seguiu a moda este ano (fãs chegaram a fazer fila para comprar uma camiseta de 160 dólares na lojinha itinerante dos rappers).

>> Entre as marcas, chegamos a citar aqui no blog as lojinhas ‘on-the-road’ da LACOSTE e da KATE SPADE.

>> Mas a CONVERSE, como sempre, conseguiu inovar e levou o seu estúdio RUBBER TRACKS até o Canadá, dentro do festival POP MONTREAL. Por quatro dias, nesse último fim de semana, novos artistas canadenses tiveram a oportunidade de gravar material original nesse estúdio. Gratuitamente, claro, e todos eles ficaram com os direitos autorais dessas gravações. Além disso, o estúdio também serviu como palco para shows de bandas já conceituadas e para entrevistas que foram transmitidas na página da Converse no Facebook.

*Born Ruffians tocando no estúdio da CONVERSE durante o POP MONTREAL

>> LINKS:

>> POSTS RELACIONADOS:

A campanha “3 Artistas, 1 Música”, da CONVERSE, inventou mais uma: agora quem remixa é o fã!

3 set

>> Não cansamos de falar sobre o projeto “3 artistas, 1 música”, da Converse, que apesar de já estar há um bom tempo no mercado ainda não perdeu a força. Pelo contrário: a cada campanha, a marca tem o cuidado de achar e unir artistas ‘do momento’ com outros já conceituados, envolvendo fãs de estilos e gerações diferentes. Desta vez, a CONVERSE deu mais um passo e resolveu envolver esse consumidor e o fã de música mais diretamente.

A parceria da vez é com a empresa virtual Indaba Music, que funciona como uma plataforma voltada para músicos. O site também permite que músicos produzam e remixem suas músicas usando um console online.  Agora, a CONVERSE e a INDABA MUSIC convidam o fã a remixar a faixa da última campanha, baixando todas as bases no site e deixando a música como bem quiser. O vencedor leva presentes da Converse e $2500 dólares.

Para esta “temporada”, os 3 artistas convidados foram a cantora neozelandesa Kimbra, Mark Foster do grupo Foster The People e o DJ canadense A-Trak, que gravaram a faixa principal “Warrior” no próprio estúdio da marca, o Converse Rubber Tracks. Veja o vídeo da música original, que acabou entrando nas edições especiais do disco de estreia da cantora Kimbra:

>> A Converse e a Indaba também fizeram um concurso chamado Discover: Make It Black, no qual os usuários do site podiam enviar suas versões para os seguintes clássicos: “Blackbird” dos Beatles, “Black Water” do The Doobie Brothers e “Black Horse And The Cherry Tree” do KT Tunstall.

Os três vencedores, um para cada faixa, já foram anunciados e ganharão uma viagem até o estúdio Rubber Tracks. Lá, além do prêmio em dinheiro, eles poderão gravar a música cover inscrita no concurso e uma música de autoria própria. Um EP com essas faixas será distribuído em algumas lojas da Converse pelos EUA. Mais: uma equipe de filmagem vai documentar as gravações do disco para um mini-documentário sobre a campanha.

(*via Brand-e.biz)

>> SAIBA MAIS SOBRE A CAMPANHA:

  • Em 2008, saiu a primeira faixa da campanha: “My Drive Thru”, com Santi White (ex-Santogold), Julian Casablancas (Strokes) e Pharrell Williams.
  • Depois, a faixa “All Summer”, com Rostam Batmanglij (Vampire Weekend), Kid Cudi e Bethany Cosentino (Best Coast).
  • A terceira música do projeto, “I Didn’t Know What Love Was”, teve a participação de Bernard Sumner (Joy Division/New Order), Alexis Taylor & Joe Goddard (Hot Chip) e a dupla Hot City.
  • Em 2011, a marca reuniu Graham Coxon (Blur), Paloma Faith e Bill Ryder-Jones (Coral) no começo do ano, e Matt & Kim, Soulja Boy, e Andrew W.K. no segundo semestre.
  • Este ano, a Converse reuniu a banda Gorillaz com James Murphy e Andre 3000.

LACOSTE LIVE! Marca conquista público jovem apostando na música

23 jul

>> A LACOSTE LIVE, linha mais jovem da Lacoste lançada em 2010, foi direto ao ponto e uniu seu público alvo ao que eles mais amam: música e tendências. A marca vende roupas e acessórios exclusivos para uma faixa etária que já não se sentia mais representada pela marca mãe, mais tradicional. Para atrair esse grupo, a Lacoste apostou não só nas roupas mais ‘descoladas’, mas também no envolvimento desses jovens com suas bandas preferidas.

>> Para isso, a marca será responsável por uma série de shows pelos EUA. Em Nova York, a campanha tem início em um parque em Williamsburg, bairro famoso pela produção cultural e pelas inúmeras bandas alternativas que pipocam por lá. Não é mera coincidência, claro. Segundo Steve BIrkhold, CEO da Lacoste nos EUA, o Brooklyn é o lugar ideal para sedimentar esse reposicionamento da marca:

“A Lacoste Live! reflete o impacto e a importância das novas tendências na moda e na música. Por isso, Nova York foi uma escolha óbvia. Queremos atrair o consumidor mais jovem e fashion-conscious de uma maneira orgânica. Com esses festivais, vamos proporcionar uma experiência cool, única e inesperada aos amantes de música e moda.”

Para a série de shows LACOSTE LIVE já estão confirmadas as bandas Refused, St. Vincent, Gotye, Counting Crows, Cake, Jane’s Addiction, Sublime, Animal Collective, David Byrne, My Morning Jacket entre outras.

>> ENVOLVIMENTO:

Durante os festivais, haverá uma loja pop-up da Lacoste Live, com roupas e acessórios exclusivos para a série de shows. Os fãs podem se envolver de diversas maneiras, online e offline, em troca de ingressos. Há parcerias e ações com a American Express, por exemplo, e os fãs que comparecerem aos shows vestindo Lacoste ganham desconto de 30% nas lojas pop-up espalhadas pelo festival.

As ativações da LACOSTE LIVE também incluem gigs na loja de Londres, pool house no Coachella (sim, uma pool party no meio do deserto) no início do ano e o site com cobertura dos eventos, posts de músicas e das bandas que compartilham o lifestyle da marca.

>> NO BRASIL:

*loja da LACOSTE LIVE! no Shopping JK, com chão que lembra um ginásio

A LACOSTE LIVE abriu a sua primeira loja no Brasil no Shopping JK Iguatemi, em São Paulo. Quem sabe a ideia dos festivais não vem para cá também? =))

>> LACOSTE L!VE

>> LACOSTE L!VE EM LONDRES

>> LINKS:

Em parceria com o SPOTIFY, BACARDI vai viajar pelos EUA levando surpresas aos festivais de música do segundo semestre

19 jul

Bacardi e Spotify fizeram uma parceria para espalhar música pelos EUA, percorrendo festivais de agosto a dezembro a bordo de um ‘big green bus’. A campanha visa celebrar os 150 anos da marca.

O “grande ônibus verde” da BACARDI vai viajar pelos festivais do segundo semestre, nos Estados Unidos, com várias iniciativas envolvendo fãs e música. Além das ações online, serão shows secretos, mini-festivais e a surpresa VIP Bacardi Bar, onde os fãs poderão interagir com suas bandas preferidas.

É a primeira vez que a marca Spotify entra em campanha com uma bebida alcóolica. A parceria vem desde o festival SxSW deste ano, com a Spotify House. A iniciativa deu tão certo que eles decidiram levar a festa para outros festivais. A “turnê” começa em Los Angeles e passa por Portland, Austin, St. Louis, New Orleans e Miami.

>> NO FACEBOOK: A página da Bacardi no Facebook, com mais de 2,5 milhões de assinantes, possui um aplicativo via Spotify chamado “BACARDI PartyStarter”, que ajuda o usuário a planejar a festa dos sonhos. Do figurino à trilha musical perfeita, claro.

(*via PopSop)

>> POSTS RELACIONADOS

Mark Ronson, Katy B e Coca-Cola celebram as Olimpíadas de Londres

26 jun

>> A COCA-COLA, patrocinadora oficial das Olimpíadas, pediu ao Mark Ronson que fizesse uma música que celebrasse o evento que acontece, este ano, em Londres. Ele decidiu trocar as batidas e instrumentos e focar nos atletas. E “Anywhere in the World”, com vocal de KATY B, Ronson gravou, remixou, manipulou e produziu os sons naturais captados dos esportistas que participarão dos jogos. Ele viajou o mundo gravando o “som ambiente” dos treinos de competidores do México, da Rússia, dos EUA, da França entre outros. Do atletismo ao tênis, tudo está combinado na música abaixo. Veja como ficou, agora na versão completa:

>> Você também pode assistir ao documentário feito durante o processo de pesquisa e gravação do vídeo acima. Siga as viagens do Ronson pelo mundo para gravar os atletas das Olimpíadas, em sete partes. A viagem começa aqui:

>> POSTS RELACIONADOS:

%d blogueiros gostam disto: